Queda da taxa de juros está impactando reservas do Plano Cohab Saldado - De Olho na Libertas

Últimas

Home Top Ad

Estamos sempre De Olho na Libertas

Post Top Ad

O preço de uma aposentadoria tranquila...

sábado, 14 de abril de 2018

Queda da taxa de juros está impactando reservas do Plano Cohab Saldado

O Plano Cohab Saldado tem demonstrado estabilidade ao longo do tempo com as premissas atuariais sendo mantidas com pouca alteração, inclusive a taxa de juros que vem diminuindo, mas bem menos do que os demais planos da Fundação, passando de 6% para 5,65%. Assim, o aumento do passivo do plano também foi bem menor, passando de R$ 32.527 milhões em 2010 para   R$ 50.062 milhões, um aumento de pouco mais de 53% bem menor do que os demais planos.  Ainda assim, a redução da taxa de juros tem impactado as reservas, exigindo maiores rentabilidades.

Em relação aos investimentos, o plano apresentou rentabilidade acumulada de 135,90% contra uma meta atuarial de 133%, ajudando no resultado superavitário do plano, já que os ativos líquidos cresceram 63% ao longo do período analisado, passando de R$ 33.539 milhões em 2010 para R$ 52.408 em 2016,crescimento maior do que o verificado em relação ao passivo do plano. 

A) PLANO COHAB SALDADO
EVOLUÇÃO PASSIVO (COMPROMISSOS DO PLANOS)
ANO
CRESCI. SALARIAL
INFLAÇÃO
SALARIO
CAPAC.
SALARIAL
TÁBUA DE BIOMÉTRICA
ROTAT.
TAXA DE JUROS
RESERVA MATEMÁTICA
(PASSIVO)
2010
0
4,50
0,98
AT2000 M&F
0
6,00
32.527
2011
0
4,51
0,98
AT2000 M&F
0
5,75
36.470
2012
0
4,49
0,98
AT2000M&F
0
5,56
38.524
2013
0
5,00
0,97
AT2000 M&F
0
5,39
40.072
2014
0
5,05
0,97
GIM-94M&F
0
5,50
44.402
2015
0
5,17
0,97
GIM-94M&F
0
5,50
48.406
2016
0
5,29
0,97
GIM-94M&F
0
5,65
50.062

EVOLUÇÃO DOS ATIVOS
ANO
META
RENTABIL.
ATIVOS
LIQUIDOS
RESULTADO ACUMULADO
(PASSIVO – ATIVO)
2010
12,85
15,73
33.539
+ 1.012
2011
12,23
11,16
35.339
-1.131
2012
12,30
15,25
37.106
-1.418
2013
11,25
9,09
40.709
637
2014
11,96
11,77
43.597
- 804
2015
17,37
14,39
47.658
-748
2016
12,44
14,08
52.408
+2.346
TOTAL
133,80
135,90
63%


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom ads

...é a eterna vigilância